Polícia Federal efetua prisões e apreende veículos de luxo em Umuarama


Carros de luxo, lanchas, joias e residências de alto padrão constituem o estilo de vida de pessoas presas em Umuarama durante a ação ostensiva da Operação Malote, deflagrada pela Polícia Federal em repressão a uma quadrilha de narcotraficantes responsável pelo abastecimento de cinco estados com grandes carregamentos de droga, principalmente maconha.
Apontado como mentor das ações em Umuarama, Adriano Lechuga, 36, o 'Garimpo', está foragido. Sua esposa, Michele Fonte, e outras duas pessoas foram presas e encaminhadas para depoimento em Cascavel, juntamente com veículos de luxo apreendidos na suntuosa residência da família, no Jardim Florença, entre eles uma Range Rover Evoque e uma moto BMW.
"Para ter uma desculpa social, se apresentavam como garimpeiros. Entretanto, o dinheiro do alto padrão de vida provinha do tráfico de drogas", disse o delegado-chefe da Polícia Federal, Marco Berzoini Smith, que concedeu entrevista coletiva no final da manhã.
O delegado informou que a Interpol deve ser acionada, pois existe a suspeita de que 'Garimpo' esteja escondido no Paraguai.
Esquema sofisticado
Nos últimos dois anos, a atuação da Polícia Federal retirou de circulação 39 toneladas de maconha e 160 quilos de cocaína atribuídas à quadrilha, que além do Paraná, atuava em Mato Grosso do Sul, São Paulo e Rio de Janeiro.
Durante o período das investigações e monitoramento das atividades criminosas do grupo, que agia de forma consorciada para diluir os riscos do transporte ilegal, a PF se deparou com 16 carregamentos de drogas, que levaram à prisão 21 pessoas - aí incluída a maior apreensão de maconha já feita no Brasil (24,5 toneladas), em novembro do ano passado em Porto Camargo.
WhatsApp
Ainda durante as diligências, verificou-se que a quadrilha se valia amplamente dos recursos de comunicação da plataforma WhatsApp. As ordens judiciais para monitorar os membros do grupo, entretanto, não foram executadas até o momento pela operadora no Brasil. Segundo a Justiça Federal em Umuarama, isso gerou multas cumulativas que somam R$ 2,1 bilhões.
Atualização - Balanço da Operação Malote:
São Paulo
- 4 presos (1 deles em flagrante com três armas de fogo)
- apreensão de coleção de relógios de luxo (143 unidades)
- onze veículos seminovos de alto padrão
- mansão avaliada em R$ 3 milhões, entre outros imóveis
Mato Grosso do Sul
- 8 presos (entre eles um policial militar e um vereador)
- 5 veículos seminovos de alto padrão
-  imóveis (fazenda e casas de luxo)
- aproximadamente 1000 cabeças de gado
Paraná
- 3 presos (um deles em flagrante com arma de fogo)
- coleção de relógios de luxo (aproximadamente 50 unidades)
- 1 embarcação de luxo
- 2 jet skis
- 11 veículos seminovos de alto padrão
Rio de Janeiro
- 1 preso (comprador de drogas)
Foragidos: Eliane Violada Fontes, Fábio Calonga Lechuga e Adriano Lechuga, o 'Garimpo'
Fonte: OBemdito

Site Portal Alto Paraíso PR