Vítima de tragédia envolvendo ônibus de Altônia morre em hospital de Londrina



Claudete Marcato, 51 anos, vítima ferida do acidente entre o ônibus da saúde de Altônia e uma carreta na manhã da última segunda-feira, morreu na noite desta quarta-feira (02), em um hospital especializado na cidade de Londrina.

Claudete, foi transferida ontem pela manhã de helicóptero do Grupamento Aéreo da Polícia Militar (Graer) do hospital Cemil de Umuarama para o hospital Universitário em Londrina.

De acordo com o Cemil, a mulher sofreu queimaduras em 25% do corpo (3° grau). O hospital Universitário de Londrina é referência no tratamento de queimados, por isso foi escolhido para atender a vítima.

Segundo a Secretaria de Saúde de Altônia, Claudete era filha de Virgilina Tenorio Martins, que também estava no ônibus e morreu no local. Como o corpo de Virgilia não foi consumido pelo fogo, ela foi identificada por familiares velada e sepultada em Altônia.

Fonte: Rede Brandão Júnior

Site Portal Alto Paraíso PR