Dono de Porto de Areia morre afogado após cair no rio em Tapejara


Um homem de 58 anos, morreu afogado na tarde de sexta-feira, 14, quando trabalhava em um porto de areia na zona rural de Tapejara.

Segundo informações do Corpo de bombeiros, o homem trabalhava em uma draga de areia, no porto localizado em um rio, na Estrada Itapicuruí, quando escorregou e caiu, sendo levado pela correnteza das águas fortes.

O bombeiros foram acionados e somente após uma hora de buscas, por volta das 18h30, os mergulhadores encontraram o corpo da vítima, identificada como sendo Charles Kwiatkowskyj, morador da cidade de Maringá e proprietário do Porto em Tapejara, já sem vida.

O corpo dele foi encaminhado pela equipe do IML ao Instituto Médico Legal de Umuarama para necropsia.

Fonte: Brandão Junior

Apoio:


Site Portal Alto Paraíso PR