Falta de educação de usuários leva prefeitura de Umuarama a cortar passagem gratuita


Depois de oito meses, a Prefeitura de Umuarama, no noroeste do Paraná, decidiu cancelar o projeto que autorizava os ônibus do transporte público a rodarem pela cidade gratuitamente aos domingos. A falta de educação de alguns passageiros foi o principal motivo para o município decidir suspender parte do benefício.

“Tinha consumo de droga dentro dos ônibus, pessoas arrancando as roupas, mostrando os órgão genitais para os passageiros, tivemos casos de pessoas soltando bombas dentro dos veículos. É lamentável o que está acontecendo em Umuarama”, diz o presidente do sindicato dos motoristas, Hailton Gonçalves.

A prefeitura lançou o projeto Catraca Livre aos Domingos em abril, para incentivar os moradores a visitarem as famílias e também frequentar o centro da cidade. Mas, logo após a implantação do projeto, os motoristas começaram a reivindicar por mais segurança dentro dos ônibus e nos terminais.

A passagem de graça aos domingos era custeada totalmente pela prefeitura. Com a nova decisão, os passageiros pagarão R$1,50, e o município R$ 1,60. Caso o mau comportamento dentro dos veículos persista, o subsídio pode ser cortado e o usuário terá que pagar o valor integral da passagem.

“Se o vandalismo continuar dentro dos ônibus, faremos uma nova reunião para decidir se vamos manter ou não o projeto”, pontua o procurador jurídico do município, Marcelo Gomes do Vale.

Fonte: G1 Paraná

Site Portal Alto Paraíso PR