Cadeia pública de Umuarama está superlotada



Na manhã de ontem (30), foram transferidos 10 presos da cadeia pública de Umuarama para a Penitenciária de Cruzeiro do Oeste – PECO. A cadeia tem capacidade para 73 detentos, mas hoje abriga mais de 225 presos. Muitos destes, deveriam estar cumprindo a pena em presídios, pois já foram julgados. 

O motivo, ainda é a falta de vagas nas penitenciárias e presídios. A Peco antes da rebelião tinha capacidade para 1108 detentos, com pelo menos dois blocos destruídos a capacidade caiu para 780. O local abriga hoje 830 detentos, por este motivo não pode receber outros, até abrir novas vagas.

Para resolver o problema da cadeia pública de Umuarama seria necessária a transferência de 150 presos, mas muitos destes ainda não foram julgados.

O sistema prisional no Brasil tem déficit de 244 mil vagas. Dos mais de 615 mil detentos do país, 39% aguarda julgamento.


Fonte: Portal da Cidade Umuarama

Site Portal Alto Paraíso PR